Mogi venceu quatro dos últimos 24 jogos no Vail Chaves

O estádio Vail Chaves já foi palco de inúmeras glórias do Mogi Mirim. Títulos, vitórias sobre grandes clubes e desfile de vários jogadores importantes. Nos últimos anos, a casa mogimiriana foi aliada no vitorioso período de 2012 a 2014. Desde o ano passado o cenário mudou. Os rebaixamentos à Série C do Brasileiro e à Série A2 do Paulistão foram marcados por vexames caseiros.

O Sapo fez 19 jogos como mandante na Série B e outros sete no Paulistão. Em 26 jogos venceu apenas quatro. Se forem excluídos os jogos com mando vendido (Botafogo) ou interditado (Santa Cruz), o número de partidas sem vencer no Vail Chaves chega a 20 em 24. Ou seja, uma vitória a cada seis jogos em casa. A média é ainda pior se for levantado o período com Luiz Henrique de Oliveira. O dirigente assistiu apenas um triunfo em casa desde que assumiu a gestão do clube, em julho de 2015.

Leia mais no Grande Jogada desta sexta-feira, 27.

Next Post

Rosan sonha com ‘Reffis municipais’

sex maio 27 , 2016
Entre 2005 e 2008 o São Paulo dominou o futebol brasileiro. Títulos nacionais e internacionais transformaram figuras comuns, como Diego Lugano, em ídolos e o já ovacionado Rogério Ceni no M1TO. Paulo Autuori e Muricy Ramalho também passaram a ser respeitados pelo torcedor. Até mesmo profissionais que a ficavam quase […]