Mogi visita a Portuguesa com o G4 na mira

Foto: Léo Santos

Tentando não perder contato com as equipes melhores colocadas da chave, o Mogi Mirim viaja até São Paulo para encarar a Portuguesa, neste sábado (30), às 19h00, no estádio Oswaldo Teixeira Duarte (Canindé). Sem vencer há dois jogos, o Mogi quer interromper o viés de queda na classificação e para isso tem pela frente uma equipe mergulhada na crise, também dentro de campo.

Com apenas duas vitórias em nove jogos, a Lusa tamém vem de derrota. Perdeu para o Macaé por 1 a 0, jogando no norte Fluminense e com isso entrou na zona de rebaixamento para a Série D do Brasileirão. Embora com equipes em situações bastante distintas na tabela, o duelo reunirá dois dos piores ataques da competição. No grupo 2, o time que marca menos gols é a Portuguesa. Foram só sete até aqui.

Na sequencia, aparece justamente o Sapo, ao lado de Macaé e Guaratinguetá, com apenas nove comemorações. Apenas o Salgueiro de Pernambuco tem desempenho pior, com seis gols marcados. Quando o assunto é defesa, o Mogi tem um desempenho bem superior em relação a verde e branca do Canindé. São apenas seis gols tomados contra 15 do adversário.

Leia a matéria completa na edição impressa desta sexta-feira, 29, do jornal Grande Jogada.