AMADOR MOGI MIRIM: RODADA QUENTE

Três dos favoritos para avançar às semifinais do Campeonato Amador de Mogi Mirim, em sua primeira divisão, tiveram tropeços nesta segunda fase e não conseguiram avançar antecipadamente ao primeiro confronto eliminatório decisivo. Com um empate nos dois primeiros jogos, Unidos do Bairro Garcez, Santa Cruz e Jardim Europa ainda precisam de resultados para garantir a sequencia dentro da competição. Na rodada do final  de semana, apenas Tucurense e Garcez venceram.

A Veterana é a única com 100% de aproveitamento nesta etapa e entra em campo sem responsabilidade de pontuar para classificar. A vitória por 2 a 1 diante do Transmogi garantiu a equipe de Everton Bombarda, que, no entanto, quer somar mais três pontos neste domingo (21), diante do Jardim Europa para se sacramentar  como equipe de melhor campanha durante a competição e garantir vantagem de dois resultados iguais nas próximas fases. “Vamos jogar com responsabilidade para manter o ritmo de competição, nos garantir e respeitar a credibilidade do campeonato, afinal há outras equipes interessadas no resultado da nossa partida”.

Everton está se referindo especificamente ao América, que conseguiu arrancar um importante empate diante do Jardim Europa e segue com oportunidade de ser o azarão na etapa decisiva. E não são apenas possibilidades matemáticas que sustentam a hipótese de classificação. A combinação de resultados necessária é bem plausível, se observado o desempenho das equipes ao longo da competição. Se a Tucurense vencer o Europa e chegar aos nove pontos somados, bastaria ao América vencer para se classificar. Seu adversário na rodada final, o Transmogi/Novacoop ainda não somou pontos nesta fase e apenas cumpre tabela às 15h15, do domingo (21), no campo da Santa Cruz. No mesmo horário, jogam no Tucurão, Jardim Europa x Tucurense.

Next Post

COPA ITAPIRA: FINAIS ANTECIPADAS

sex ago 19 , 2016
O calendário da Copa Itapira de Futebol Amador foge completamente do padrão profissional no Brasil. Enquanto técnicos, jogadores e dirigentes de grandes clubes reclamam constantemente do cronograma apertado, com a partidas a cada três dias, o Amador local não costuma nem mesmo ter equipes atuando em finais de semana sequenciais. […]