ESTILO DE VIDA: ESCOLHA SEU DIFÍCIL

Elaine Cristina Navarro*

Todos os dias me deparo com pessoas dizendo que ter uma dieta equilibrada é difícil, que ter um estilo de vida saudável e manter uma rotina de exercícios físicos também é difícil. Que é difícil conviver com a obesidade, com a hipertensão, com a diabetes ou com dores. Saiba que emagrecer, ganhar massa muscular, manter o peso e controlar doenças não é uma tarefa fácil. Nada vem de “mão beijada” nesta vida e você só deve escolher qual a dificuldade está disposto a enfrentar! Para isso é necessário refletir, estabelecer metas diárias, semanais, mensais e até anuais, por que não?

Você já imaginou se tivesse começado a se exercitar há um ano atrás? Certamente estaria mais magro, mais saudável, com menos dores!

Hoje em dia nos cobramos muito de muitas coisas, mas não colocamos em prática essas cobranças. É necessário ter a consciência que mudar dói, mas não mudar dói mais ainda, principalmente quando falamos de qualidade e estilo de vida.

Devemos encontrar razões para atingir um objetivo, estabelecer as metas reais e colocar a mão na massa! Temos que melhorar em todos os setores de nossas vidas, por nós mesmos e não pelos outros. Mudar significa abrir mãos do que gostamos muitas vezes, mas o resultado dessa abdicação vale muito a pena. Temos que ter em mente que nossa força interior é maior que tudo e quando nos empenhamos para mudar algo que está nos incomodando, a chance de dar certo é muito grande.

Mas, se por algum motivo estamos estagnados e não conseguimos sair do lugar, é hora de buscar ajuda, seja de um profissional ou de pessoas ou amigos que passam pela mesma dificuldade. Por muito tempo frequentei grupos de apoio ao emagrecimento e depois busquei ajuda de uma psicóloga, com ela vi que meu problema não era só a obesidade. A pessoa de fora consegue enxergar o que você as vezes não está enxergando e te direciona para conseguir atingir seu objetivo. Mais uma vez digo: Mudar é difícil, mas vale a pena! Se precisar, busque ajuda, isso vai facilitar sua caminhada.

Chegar onde as pessoas duvidam que você possa chegar é gratificante, pode ter certeza. Muitas vezes temos vontade de jogar tudo para o alto, mas quando olhamos para nós mesmos e vemos de onde viemos e para onde queremos ir, encontramos um milhão de motivos para continuar. Se esperarmos pelo momento ou condição certa para começarmos um projeto, nunca começaremos! Então reveja suas prioridades e escolha o seu Difícil!

 

*Elaine Cristina Navarro é estudante de pedagogia e tem uma página de motivação ao emagrecimento saudável

Next Post

Fisio&Saúde: Movimento é vida

qua out 5 , 2016
Caroline Zacariotto Silva* Qual a primeira impressão que se pode ter ao olhar um pequeno gatinho parado e enrolado? Está sem vida! Mas, a partir do momento que se constata que seu abdômen sobe e desce, conclui-se que ele apenas dorme tranquilamente. Movimento é vida. E não há como viver […]