“VAMOS SURPREENDER”

Ele está de volta. Campeão em 2013 pelo Jardim Igaçaba, o técnico Turquinho volta ao time da zona Oeste com uma missão nada fácil: montar um time capaz de derrubar o Itaqui, campeão nas últimas três temporadas. E o que motivou o treinador a trocar o todo poderoso Itaqui, equipe que comandou no título de 2016, pelo Jardim Igaçaba está na ponta da língua: o gosto por desafios.

“A última equipe que derrotou o Itaqui numa decisão foi justamente o Igaçaba. Voltei para levar novamente o Igaçaba ao topo. E será mais uma desafio na minha carreira. Voltei porque tenho muita amizade com o pessoal do Igaçaba e sei que temos condições de montar um time bem competitivo para combater o Itaqui, hoje, o time a ser batido. E posso dizer que o elenco que montamos está à altura de quem pretende desbancar os favoritos”, resumiu Turquinho.

Campeão em 2015 com o Comercial na 2ª Divisão e com o Itaqui no ano passado pela 1ª Divisão, Turquinho não deixa a modéstia de lado. Ele elencou os quatro ‘grandes’ da divisão de elite: Itaqui, Comercial, Ipiranga e Paulista. Não é coincidência que na temporada passada, os quatro times disputaram as semifinais e Itaqui e Comercial fizeram a grande final.

Leia a matéria completa na edição desta sexta-feira, 31, do GRANDE JOGADA.

Next Post

FUTEBOL FEMININO EM DESTAQUE

qui mar 30 , 2017
O futebol feminino ainda engatinha no Brasil. Apesar de algumas fases empolgantes, como na década de 1990, quando a modalidade passou a integrar os Jogos Olímpicos e também 2014, quando Marta & Cia encantou o país na primeira fase dos Jogos do Rio de Janeiro, é inegável que os incentivos […]