Polo Gastronômico agora é regional

O GRANDE JOGADA nasceu com o intuito principal de valorizar o esporte na Baixa Mogiana. Esta ferramenta tão importante para a comunidade tem, através do nosso trabalho, um divulgador incessante. Porém, nosso olhar carinho não é restrito ao esporte. Valorizar a Baixa Mogiana é, na essência, o conceito natural do jornal. E um projeto vital para o desenvolvimento da economia local merece ser inserido nesse roteiro.

O Polo Gastronômico ganha uma nova fase após 10 anos de sua implantação. Trata-se da inclusão de estabelecimentos de Mogi Guaçu e Itapira incentivando assim, o turismo de Mogi Mirim e região. Dessa forma, passa a ter a denominação “Polo Gastronômico da Baixa Mogiana”, que, futuramente, terá sedes nas três cidades.

“Ampliando a rede de participações no Polo Gastronômico só temos a ganhar. O comércio em bares e restaurantes e o consumo em Mogi Mirim e nas cidades vizinhas”, comemora o presidente do Sincomércio de Mogi Mirim e também do projeto Polo Gastronômico, José Antonio Scomparin. O projeto conta ainda com apoio integral do Sesc (Serviço Social do Comércio), Senai (Serviço Nacional da Indústria), Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e Comtur (Conselho Municipal de Turismo).

O objetivo do Polo desde seu início foi a qualidade dos produtos vendidos para os clientes e fortalecer o turismo em Mogi Mirim e em cidades da região. Com isso, a certeza de benefícios para o comércio com o aumento da circulação de pessoas concomitantemente gera gastos em bares e restaurante. Para Scomparin, essa movimentação promove o maior consumo nos negócios das cidades. “Na região temos um turismo de caráter de negócios. Isso é fato”, afirma

Saiba mais na edição desta sexta-feira, 10, do GRANDE JOGADA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *