Mogi corre contra o tempo por Série A3

A menos de 60 dias para o início da competição, o Mogi Mirim terá que correr contra o tempo para ter um time em campo no dia 17 de janeiro, quando estreia na Série A3 do Campeonato Paulista contra o Noroeste, em Bauru. A tabela da competição foi divulgada sexta-feira (17), pela Federação Paulista de Futebol. O primeiro jogo em casa acontece na rodada seguinte, dia 21, quando recebe a Portuguesa Santista.

Embora a tabela tenha sido divulgada com a presença do Sapo, havia o risco do Mogi não participar do campeonato, bem como ficar suspenso por dois anos das competições promovidas pela FPF. Isso porque o clube tinha uma dívida de quase R$ 52 mil referente a taxas de arbitragem em atraso e multas não recolhidas. Na quarta-feira (22), a assessoria de comunicação da FPF informou que o Mogi quitou as pendências com a entidade e está garantido nas competições de 2018, como a Copa São Paulo de Futebol Junior e a Série A3.

Portanto, é hora, então, de preparar um elenco para a temporada de 2018. Essa será a missão do presidente Luiz Henrique de Oliveira, aclamado no último sábado (18) para administrar o Mogi por mais dois anos. A eleição para a escolha dos novos dirigentes e conselheiros do clube aconteceu no estádio Vail Chaves. O pleito foi realizado com portões  fechados. Ninguém que não fosse associado com direito a voto poderia entrar. Até mesmo a imprensa foi barrada.

Batizada de “Mogi de Coração”, a chapa encabeçada por Luiz Henrique foi reeleita por  aclamação pelos sócios que compareceram à assembleia ordinária, uma vez que não houve a inscrição de chapa de oposição para concorrer à presidência do Sapão da Mogiana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *