Itapirenses se preparam para a Copa São Paulo

O próximo campeonato da Esportiva Itapirense será a Copa São Paulo de Futebol Júnior. Em 2018, será a primeira vez que o clube participará do torneio de base mais importante do planeta e, de quebra, Itapira será uma das sedes. A confirmação ocorreu em julho, em um trabalho articulado pela diretoria de futebol em conjunto com o prefeito José Natalino Paganini e o deputado estadual José Antônio Barros Munhoz.

A conquista foi muito celebrada pelos dirigentes e a estreia do clube em casa acontecerá em menos de um mês. No dia 4 de janeiro, será aberta a disputa do Grupo 19, em Itapira. A Vermelhinha terá a companhia na chave do Fortaleza-CE, Estanciano-SE e Volta Redonda-RJ. O clube irá manter a base que venceu a Segundona do Paulista Sub20 para a competição.

O comando técnico seguirá sob a responsabilidade do técnico campeão, Reginaldo Lima. O treinador afirmou que espera uma disputa equilibrada com os rivais. “Vamos trabalhar forte para ser um dos dois classificados. Esta é a nossa primeira meta. Se conseguirmos,  em cima do adversário na segunda fase, é que podemos ponderar sobre possibilidades.

O treinador, que afirmou ainda não pensar em um eventual trabalho na Segunda Divisão de Profissionais, garante estar com o foco total na Copinha. Competição que o gerente de futebol, Luiz Fernando Moraes, conhece bem. Em 2013, pelo Santos, ele foi campeão do torneio, quebrando um jejum de 30 anos do Peixe sem um título da Copa São Paulo.

“Da Copinha, espero a ratificação desse trabalho que foi feito em 2017 e a evolução contínua e natural dos atletas”. O gerente, porém, destacou que é preciso ter cuidado ao fazer projeções em relação ao torneio. “Não se pode enxergar uma competição de tiro tão curto quanto esta, como referência para mudanças nas diretrizes. As coisas podem não dar tão certo nessa competição, já vimos times grandes caírem na primeira fase. De forma alguma isso pode mudar a trajetória e sim buscar melhorar ainda mais”, enfatizou.

Moraes afirmou estar otimista sobre uma evolução ainda maior da Itapirense durante a Copa São Paulo. Após uma semana de folga, a equipe se reapresenta na segunda-feira (11), na Toca do Coelho. A estreia na competição será no dia 4 de janeiro, às 19h00, contra o Estanciano. No domingo, dia 7 de janeiro, o Coelho duela com o Volta Redonda, às 17h00 e encerra a participação na primeira fase no dia 10 de janeiro, às 19h00, ao duelar com o Fortaleza.

Em 2018, a Copa São Paulo chega a 49 edições e com um recorde. Pela primeira vez, 128 clubes irão disputar a competição, organizada pela Federação Paulista de Futebol. Serão 31 sedes na primeira fase, sendo que São Paulo será a única cidade com dois estádios usados na fase de grupos. Canindé e Nicolau Alayon serão utilizados, respectivamente, por Portuguesa e Nacional. Além de Itapira, cidades como Fernandópolis sediarão a competição pela primeira vez. A competição terá início no dia 2 de janeiro, com seis partidas e será finalizada no dia 25 de janeiro, aniversário da cidade de São Paulo, com a decisão do título no estádio do Pacaembu. Em 2017, o Corinthians foi o campeão ao bater o Batatais.

Foto: Léo Santos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *