Jogo com o Brusque será em Águas de Lindóia

O Mogi Mirim vai enfrentar o Brusque neste sábado (5), pela terceira rodada da Série D do Campeonato Brasileiro. O duelo será às 15h00, no estádio Leonardo Barbieri, em Águas de Lindóia. Após não ter solicitado a alteração do confronto com o São José-RS dentro do prazo legal, o Mogi foi obrigado a estrear como mandante no Vail Chaves, mas com os portões fechados, já que o estádio está interditado desde o final do ano passado pela Federação Paulista de Futebol.

Desta vez, o pedido de mudança de campo teve sucesso e, desde sexta-feira (27), o site da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), indica o estádio Leonardo Barbieri como local do duelo com o Brusque. O jogo que seria no domingo (6), também foi antecipado para sábado (5).

Com a realização do jogo em Águas de Lindóia, haverá venda normal de ingressos. De acordo com a assessoria de imprensa, não será, mais uma vez, permitida a entrada de menores no estádio, já que o clube segue em o alvará que permite a presença de crianças e adolescentes nas partidas que o Mogi disputa como mandante.

No domingo (29), o Sapo perdeu por 2 a 1 para o São José-RS. O time comandado por Carlos Júnior foi a campo com Hotton; Felipe, Marcelo Felber, Ian e Stefano; Fabrício, Diogo, Alexandre Gaúcho e Glécio; Rafael e Americano. Aos 36 minutos do primeiro tempo, Felipe Benassi marcou para o Mogi Mirim.

Porém, na etapa final, aos 7 minutos, Alexandre empatou para o São José e, três minutos depois, Kelvin virou. Sem poder de reação, o Mogi perdeu o segundo jogo na Série D, já que, na estreia, foi derrotado pelo Prudentópolis por 2 a 0. O São José lidera o Grupo A17 com seis pontos, seguido por Prudentópolis e Brusque, com três cada. O Sapo, sem pontos, é o lanterna.

Na súmula do jogo, o árbitro Sílvio André Loureiro de Lima informou que as taxas e despesas dos árbitros, delegado, analista, e motorista não foram pagas pela Mogi Mirim. Destacou ainda que o dirigente responsável, Cristhian Moreira da Silva, levou a relação de todas as contas bancárias dos citados acima, comprometendo-se a fazer o depósito no dia 30 de abril. Os comprovantes financeiros, assinados, foram encaminhados à tesouraria da Federação Paulista de Futebol pelo arecadador, Rogério Pinho. O clube não se manifestou se as contas foram pagas no prazo prometido.

Next Post

Base da Esportiva folga após goleadas

qua maio 23 , 2018
As equipes sub15 e sub17 da Esportiva Itapirense não entrarão em campo na rodada deste final de semana. Como as chaves nas duas categorias possuem sete times, há sempre uma equipe de folga por rodada. A Vermelhinha volta a campo apenas no sábado (12), quando o sub15 e o sub17 […]