Fábio estraga reação santista e Raposa avança

O Santos viveu uma noite de sentimentos distintos nesta quarta-feira (14), ao enfrentar o Cruzeiro, em Belo Horizonte, pela partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil. O sentimento de euforia após conseguir uma virada das mais improváveis , deu lugar a um tom de perplexidade com a derrota nas cobranças de pênaltis, após três defesas do goleiro Fábio e sem marcar sequer um gol.

A partida começou com Thiago Neves abrindo o placar para os mineiros logo na primeira chance de gol azul ao driblar Gustavo Henrique e acertar bonito chute. Quando o Santos parecia sem forças para reagir, Gabriel Barbosa acerto um belo chute de ora da área para igualar as coisas ao final do primeiro tempo.

Com o Peixe mais ousado na segunda etapa, Bruno Henrique reencontrou o caminho do gol ao acertar lindo golpe de cabeça como manda o figurino. Mas, foi ele mesmo quem perdeu um dos pênaltis que não permitiram ao Santos se classificar. A cobrança derradeira foi perdida por Jean Mota e após Vencer por 2 x 1 no tempo normal, o time praiano sofreu um 3 x 0 na marca da cal.

Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/ Santos FC)