Ninho da Cobra: Campano é a casa do ‘football’

Centro Esportivo Antônio Campano, no Jardim Bela Vista. Muito utilizado para a prática do ‘soccer’, o campo de uma das áreas que mais respiram esporte em Mogi Guaçu também é a casa do ‘football’. É no espaço localizado no Jardim Bela Vista que o Guaçu Snake’s River faz a maior parte de seus treinos e partidas oficiais. Inicialmente o time treinava no campo do Tiro de Guerra de Mogi Guaçu. Depois, passou a usar o campo do Luiz Martini também para treinos e alguns amistosos.

Porém, para jogos, o Snakes o Campano é o palco principal. Em 2015 e 2016 as rodadas do Paulista de Flag aconteceram no local. Em 2017, o jogo foi realizado no campo do SESI, mas, nesta temporada, retorna ao ‘Ninho da Cobra’. Neste domingo (2), acontece em Mogi Guaçu, mais uma rodada do Campeonato Paulista de Flag. O jogo principal terá o Guaçu Snake’s Rivers contra o Unasp Roosters. A partida será às 13h00. Para o presidente do Guaçu Snakes, Marcus Vinicius Svidzinski, é sempre uma alegria receber rodadas em casa, ainda mais quando se tem equipes tradicionais do Futebol (Soccer), fazendo parte do espetáculo. Neste ano, Guarani e Ponte Preta, clubes tradicionais do ‘soccer’, farão parte da rodada. “Recentemente fizeram seu primeiro dérbi, em que a Ponte levou a melhor com um placar parecido com futebol (2 a 0), apesar de novas, são boas equipes e bem estruturadas”, falou Svidzinski.

Guaçu Snake’s: história antes de mais um jogo em casa

Ele explicou ainda que, o torcedor que for ao Campano neste domingo (2) terá diversas atrações além das partidas. “A SET (Secretaria de Esportes eTurismo) de Mogi Guaçu, fornecerá som pra nós, então vamos ter narração exclusiva do Jonnas Patrício em todos os jogos. Teremos a comunicação e anúncio dos árbitros para a torcida e contaremos com food trucks de lanches, doces e chopp artesanal”, frisou o presidente. Ele explicou que as fichas serão vendidas na barraquinha dos Snakes.

Já em relação à organização, o fato de ser a quinta vez em que sediam uma rodada dá tranquilidade para coordenador as atividades. “As sequências de trabalho já são todas distribuídas quando o calendário da APFA (Associação Pró Futebol Americano) sai. Desde aí, já se iniciam os contatos com a Prefeitura, com os food trucks, com os fornecedores de bebida. Entre nós jogadores e administradores do time, as tarefas e funções também já são estabelecidas. Quem busca isso, quem busca aquilo, as marcações de campo já começam na sexta que antecede o domingo e a pintura é realizada pelos próprios jogadores no decorrer de todo o sábado”.

Leia na próxima reportagem – Expectativa para o jogo e o elenco das ‘Cobras’

Next Post

Brasilis x Esportiva: Briga é pela liderança do grupo

sáb set 1 , 2018
O time sub20 da Esportiva Itapirense volta a campo neste sábado, 1º, pela quinta rodada do Campeonato Paulista da categoria. O duelo será às 15h00, contra o Brasilis, no CT Oscar Inn, em Águas de Lindóia. A Vermelhinha vem de vitória por 2 a 0 sobre o Grêmio São-Carlense, em […]