BMT: Amor e qualidade à moda da casa

Quem hoje frequenta o BMT, um dos bares mais tradicionais de Itapira, muitas vezes, não conhece a sua história. Em cada salgado, a lembrança do aprendizado. Em cada atendimento, o legado de seu criador. A cada novo cliente, a satisfação pela persistência. Situada na esquina da avenida Funabashi Tokuji com a avenida Brasília, no Jardim Ivete, o local que conta com um dos cardápios mais saborosos de Itapira e região passou por várias mudanças.

A primeira e mais sintomática, foi de local. O início foi como Bar do Toninho, na avenida Brasília, em local onde hoje funciona uma loja de materiais elétricos e hidráulicos. No dia 6 de agosto de 1976, a trajetória teve início. Antônio Carlos Leme e Isaura Montini Leme estiverem sempre à frente. No começo, com outros sócios, entre eles, dois cunhados de Toninho. Na década de 1980, o casal seguiu sozinho à frente do negócio, que passou por um grande baque.

“O prédio em que estávamos foi vendido e tivemos que sair quase que imediatamente”, relembra Carlos Alberto Leme, filho de Toninho e Isaura e que hoje é quem ‘toca’ o empreendimento. Ainda criança, viu o bar se tornar a casa da família. Na esquina em que hoje está o bar, com espaço amplo para os clientes ficarem no balcão ou nas mesas externas, eles dormiam após o dia de trabalho. Era o sonho do ponto próprio, que tijolo a tijolo, foi edificado. “A gente dormia onde hoje é nosso depósito. Não tinha nada disso, o segundo andar (em que hoje mora a mãe)”, conta Gordinho.

REFERÊNCIA | BMT é um dos bares mais frequentados de Itapira 

Ainda garoto, começou a ajudar o pai, estando mais voltado ao atendimento e ao controle de compras. Foi a experiência adquirida quando garoto que o levou a manter o negócio da família mesmo após a sentida perda do pai. Toninho não pode ver, mas, talvez esteja orgulhoso, de onde for, com o caminho que o BMT tomou.

Aliás, o nome sofreu uma mudança, ficou mais curto, dinâmico, como são os dias atuais. E o motivo que levou ao novo nome é curioso. Gordinho fazia parte do Grupo de Jovens, a Juve. Quando os amigos resolveram entrar nos Jogos de Verão, o bar faria parte da história e teve o nome abreviado. “Ficou BMT por conta de Bar e Mercearia Toninho, mas nunca foi chamado assim. Foi a primeira vez, isso já na década de 1990”, recorda o comerciante. A relação com o esporte, aliás, sempre foi forte.

O BMT esteve presente por anos nos Jogos de Verão, inclusive em parceria com uma das antigas potências, o Pilequinho. No futebol amador, é parceiro frequente de clubes como Valencia e Paulistano, em que teve a marca ostentada em títulos importantes. O apoio ao esporte alcança também os campeonatos na Recreativa, além do vínculo de Gordinho com o Gigantes, time de futebol máster. O BMT passou por várias fases. Da mercearia criada por Toninho e familiares à lanchonete hoje tocada pelo filho. O local é um grande ponto de encontro para amigos e casais, além de ser frequentado por trabalhadores de empresas próximas, como a gigante do ramo de papel e papelão, a Penha. Um espaço recheado de histórias e que faz parte da vida de muita gente em Itapira.

“O melhor salgado da região”

DELÍCIAS | Salgados do BMT são reconhecidos pela qualidade e sabor 

Não é incomum ouvir esta frase de um cliente que já experimentou os salgados do BMT. O local tem hoje várias opções gastronômicas em seu cardápio, mas, os quitutes são sempre visados. Coxinhas, risoles, croquetes, esfihas, pedaços de tortas. Há quem tome café da manhã, antes de ir ao trabalho. Há aqueles estudantes que acabaram de sair da escola ‘mortos’ de fome. Não importa como chega, encontra sempre salgados frescos e feitos com um ingrediente especial.

“Amor. Não adianta, se não fizer com amor, não tem jeito. Procuramos comprar ingredientes de qualidade., de marcas boas e reconhecidas. Mas, além disso, tem que se dedicar ao que faz, ter carinho pela produção é respeitar o cliente”, frisou Gordinho. Ele frisou que não existe um salgado em si que possa ser chamado de carro-chefe. Ainda assim, ressalta que estão sempre buscando inovar.

“Fizemos esses dias uma coxinha de fraldinha. Ficou maravilhoso, o pessoal gostou”, disse o comerciante. Os produtos mais exóticos, nem sempre se tornam fixos. Dependem da sazonalidade e, às vezes, de acertar a mão. Gordinho relembra que, no último ano, lançou uma coxinha doce que foi sucesso. Havia opções com recheios de nutella, brigadeiro, doce de leite e até dadinho. “Hoje, fazemos por encomenda para quem pedir”.

O mesmo vale, inclusive, para um serviço que poucos sabem que existe. O BMT vende centos de salgados, que costumam abastecer, sobretudo, festas. Seja no tamanho ou estilo que for, o BMT se reinventa com seus salgados, sempre elogiados por quem os consomem. Uma história que começou com a mãe, dona Isaura, arriscando receitas e aprendendo até com clientes de outra cidade. A persistência levou à excelência e hoje os salgados do BMT são um patrimônio da cidade.

Breja gelada, porções caprichas e até almoço

NOVIDADE | Em 2018, o BMT passou a servir também almoço, incluindo o serviço de entrega

O BMT conta com inúmeras mesas, espalhadas em seu espaço exterior. O local é marcado pelo ambiente agradável, de amizade. Times de futebol costumam se reunir no local, em confraternizações que não precisam esperar pelo final do ano. Ao contrário. É só sair do jogo e encostar no bar, que conta sempre com cerveja ‘trincando’. No freezer, copos gelados dão o tom do respeito com o consumidor, que foge de breja morna.

Para acompanhar, as mais variadas porções. Uma delas, a BMT, é daquelas que a molecada de hoje chamam de ‘top’. “A gente já havia começado com as porções mistas, mas, via que tinham mesas com muita gente e que, sairia mais barato para eles, comprar uma com todas as opções”. A BMT tem carne, calabresa, bacon, batata frita, mandioca e frango empanado e dá para ser consumida por até oito pessoas, com tranquilidade.

Já para aqueles que procuram uma boa opção de almoço, o local agora também está no ramo. O prato feito tem várias opções de guarnição, com acompanhamento de saladas e aquele tempero especial que as responsáveis pela cozinha garantem. O almoço é servido das 10h30 às 14h00, com a opção de entrega para quem liga no 3863 1028. O horário de atendimento do BMT de segunda à sábado é das 6h00 às 19h00.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *