Esportiva confirma vaga na semifinal do Sub20

A Esportiva Itapirense garantiu a classificação para a semifinal da Segunda Divisão do Campeonato Paulista Sub20. Na tarde de ontem, a Vermelhinha venceu o Grêmio Mauaense por 2 a 1 e sacramentou a passagem de fase. Matheus Cocão e Teco marcaram os gols da Vermelhinha.

O clube poderia até perder por 3 a 0, primeiro, por ter vencido o rival no jogo de dia, dia 27, em Mauá e, segundo, por ter o direito de jogar pelo empate no placar agregado devido à melhor campanha na soma das fases. A Esportiva agora aguarda a definição do adversário. Neste sábado, 3, acontecem as partidas de volta. O oponente da semifinal depende da classificação atualizada dos quatro classificados.

O time de melhor campanha enfrenta o quarto e o segundo com o terceiro. É preciso somar os pontos da primeira fase, oitavas de final e quartas de final. Há uma boa chance do clube ser o dono da melhor campanha entre os semifinalistas, já que possui 25 no total. Para isso, basta que o Elosport não vença o Catanduva na partida de volta, marcada para este sábado, 3, às 16h00, em Capão Bonito.

Caso o Elo vença, empata em pontos com a Esportiva, mas passa pelo número de vitórias. De qualquer forma, já é certo que o clube decidirá o segundo jogo da semifinal em Itapira. Os jogos acontecem nos finais de semana dos dias 10 e 17 de novembro. Após fazer os jogos em casa em sextas-feiras, a diretoria solicitou à Federação Paulista de Futebol que o duelo da semifinal, seja no sábado, dia 17. A resposta sairá durante a semana, com a definição dos confrontos e da agenda, por parte da Federação.

No sábado, 27, a Vermelhinha venceu o Mauaense por 3 a 0, em jogo realizado no estádio Pedro Benedetti, em Mauá. O equatoriano Carlo Ureta, com dois gols, foi o destaque da partida. Ele marcou aos 4 e aos 41 do primeiro tempo. Ainda na etapa inicial, aos 47, Caio fechou o placar a favor do Coelho. No mesmo dia, Mauá e Osvaldo Cruz empataram em 0 a 0 no mesmo local. O Elosport bateu o Catanduva por 2 a 0, fora de casa e o Brasilis ganhou de 2 a 1 do Andradina, em Águas de Lindóia. O jogo da volta será neste sábado, 3, às 16h00, em Andradina. Já Osvaldo Cruz e Mauá decidem a vaga em Presidente Prudente.

Na semifinal, a Esportiva defenderá uma série invicta de 11 partidas na competição. A última e única derrota ocorreu na primeira rodada, quando o time sofreu a virada e perdeu por 2 a 1 para o Jaguariúna, em Itapira. Na sequência, o Coelho obteve os seguintes resultados na fase qualificatória. Comercial (3 a 2 – fora), Grêmio São-Carlense (2 a 0 – casa), Brasilis (2 a 2 – fora), Jaguariúna (1 a 1 – fora), Comercial (1 a 0 – casa), Grêmio São-Carlense (1 a 0 – fora) e Brasilis (2 a 2 – em casa). A Vermelhinha foi a líder do Grupo 4, com 15 pontos.

No ano passado, pela primeira vez em sua história, a Esportiva Itapirense conquistou o título de uma competição de base organizada pela Federação Paulista de Futebol. O título da 2ª Divisão Sub20 garantiu a vaga na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 2019 independente de Itapira ser sede ou não (a cidade deve ser oficializada como uma das sedes em novembro).

Assim, o clube defende a taça e luta pelo bicampeonato. Em 2017, na primeira fase, a Esportiva teve como rivais XV de Jaú, Taquaritinga, Primavera, Brasilis e Jaguariúna. O clube obteve a liderança com 25 pontos e avançou para as oitavas de final, quando eliminou o União Mogi com uma vitória fora por 3 a 2 e um revés em casa pelo mesmo placar. Nas quartas, bateu duas vezes o Tupã. Na semifinal, após perder por 1 a 0 em Jaú, fez 3 a 1 sobre o XV, em Itapira, e alcançou a decisão. A partida de ida ocorreu em Itapira, no dia 25 de novembro e a Vermelhinha meteu 4 a 0 sobre o Presidente Prudente. Na volta, nem mesmo a derrota por 2 a 1 fora de casa impediu o título itapirense.